Obra cinematográfica de Manuel I. Nanín na Esmorga

Obra cinematográfica de Manuel I. Nanín na Esmorga

09-12-2006



13 de Dezembro projectam-se «Em Meio de Algures» e «Ausências» no quadro do «CinemGalego»

A Esmorga Blogue.- Nesta próxima quarta-feira, 13 de Dezembro, «CinemGalego», o ciclo de cinema dedicado a realizaçons independentes galegas que está a decorrer durante o mês de Dezembro no Centro Social A Esmorga, colocará em destaque a figura e a obra do jovem realizador carvalhinhês Manuel I. Nanín. A partir das 21h30, e totalmente de graça, o pessoal nom deve perder a passagem de dous dos seus trabalhos, «Em Meio de Algures» e «Ausências». No evento estará presente o próprio realizador, com o qual se poderá debater.

Ficha Técnica

Roteiro e Direcçom: Manuel I. Nanín.
Produzido por A Chanca Produccións (Galiza, 2002)
Montagem: Dani Méndez e Manuel I. Nanín.
Música: Roberto Sobrado.
Duraçom: 16 min.

Elenco: Hama Mohamed Bela e demais refugiados sarauis de Tindouf.

Sinopse: Nos campamentos de refugiados sarahuis de Tindouf, na Argélia, na parte mais dura do deserto do Sara, o pequeno Mohamed levanta-se como cada manhã. Entretanto, no resto dos campamentos, a vida também esperta ao seu próprio quefazer.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Ficha Técnica

Direcçom e Roteiro: Manuel I. Nanín.
Produçom: Marta F. Alberte e Manuel I. Nanín.
Câmaras Super 8 e Hi 8: José Manuel Mouriño.
Montagem: José Manuel Mouriño e Manuel I. Nanín.
Script: Pachi Baranda.
Música: Eva Baranda.
Som: Manuel I. Nanín.
Foto Fixa: Marta F. Alberte.
Estúdio gravaçom voz em off: Oscar Fernández
Duraçom: 20 min.

Curta-metragem gravada e rodada os dias 16, 17 e 18 de Agosto de 2005 na Chanca (Longoseiros ? Carvalhinho), no Carvalhinho e na praia de Báscuas (Montalvo ? Ponte Vedra) (Galiza).

Elenco: Daniel Méndez, Icia Castro Iglesias, Tia Concha, Xano A. Fernández.

Sinopse: Um rapaz grande decide um dia ficar dentro, a porta de saída nom abre e ele, pouco a pouco, está cada vez mais ausente de si próprio.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *



Manuel I. Nanín. «Um Encetamento»

«Quando me proponho contar umha história nom me preocupo com a compreensom da mesma, interesso-me mais com a sinceridade do que se narra e com a sinceridade das personagens, porque acho que partindo disso, a pessoa, como autora, pode chegar a acarinhar o sentimento e a emoçom do espectador, e é aí onde se encontra a tan anelada cumplicidade entre ambos».

«Nunca entendi o cinema como um passatempo. Parece-me, que como arte que é, pode e deve dar ao espectador ?alguma cousa mais? do que umha simples e singela diversom. Também penso que na procura dessa ?alguma cousa mais? é onde podemos encontrar um dos seus muitos encantamentos».

«A incompreensom fai parte da essência mesma da poesia e aceita-se sem problemas. O mesmo acontece com a música. Mas nom com o cinema. Desta maneira, o cinema non poderá ser considerado nunca umha arte maior, enquanto nom for admitida esta possibilidade de nom compreendê-lo».

«Acho que a opçom mais imediata do cinema deveria ser a de desmontar os géneros, rachar com a estrutura narrativa cada vez mais vinculada à televisión; investigar, tensar, capturar o tempo, mergulhar o espectador mediante outros ingredientes que nom sejam a surpresa, o suspense, o artifício. Velaí o cinema! Velaí o hadaly da imagem em movimento, tristemente presa de toda essa gran parafernalia que é o mercado da sétima arte! »

«O que eu fago é expor sentimentos, sensaçons,
inquedanças, dúvidas, temores...

Se nos meus trabalhos alguém procurar explicaçons ou respostas...
nom...
nom as vai encontrar

Nom som quem
nim me sinto capaz
e também nom estou preparado
para oferecer qualquer cousa tam valiosa»


manuel i. Nanín

Escrito ?s 12:40:19 nas castegorias: Eventos, Cinema
por csesmorga   , 619 palavras, 636 visualizaçons     Chuza!

Sem comentários ainda

    A Esmorga somos cada vez mais pessoas que apostamos pelo activismo social e cultural comprometido com a realidade em que vivemos.

    Trabalhamos para promover a língua e a cultura galegas, a sensibilidade para com o meio ambiente e a solidariedade entre as pessoas e os povos.

    Torna-te esmorgan@

    O entusiasmo, o espírito positivo, o empenho e a diversão são as nossas ferramentas de trabalho para construir tijolo a tijolo um mundo mais justo e agradável para tod@s.

    A porta da Esmorga está aberta para qualquer pessoa que queira conhecer-nos ou mergulhar neste projecto.

    ASSOCIA-TE!Torna-te esmorgan@
    Inscrição on-line



    http://aesmorga.agal-gz.org

    aesmorga[arroba]agal-gz.org

    Facebook esmorgano Flickr esmorgano Calendário esmorgano
      Abril 2021
      Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
       << <   > >>
            1 2 3 4
      5 6 7 8 9 10 11
      12 13 14 15 16 17 18
      19 20 21 22 23 24 25
      26 27 28 29 30    

      Busca

      powered by b2evolution free blog software