Temos a fonte; há esperança: Carvalho Calero

Temos a fonte; há esperança: Carvalho Calero

Altera Galiza.- Assisto apressadamente à Livraria Torga, chego a tempo, mas nem muito; o local, gerido por Xavier Paz, está a rebentar e respira-se no ambiente um ar de liberdade, de confraternidade, de camaradagem, de luta e finalmente... de unidade. O pessoal do MDL de Ourense está satisfeito, o lançamento público na Galiza do livro homenagem a Carvalho Calero consegue dar certo na cidade das Burgas.

O Responsável pelas Actividades do MDL, Ricardo Cabanelas, enceta o acto com um ar distendido e com um sorriso nos lábios. Já nem só é que tenham conseguido reunir familiares do Carvalho Calero, simpatizantes do MDL... mas também simpatizantes da AGAL, amigos e amigas ligadas ao movimento associativo e, ainda, a imprensa, demasiadas vezes ausente deste tipo de eventos.

Luís Fontenla, Secretário de Organização, toma a palavra e conta o significado do livro homenagem e a pretensão do MDL com ele. Fala da diversidade, legítima, do movimento reintegracionista, mas do grande sucesso de terem reunido neste livro representantes de todos os campos do associacionismo reintegracionista galego e com isso, explica, terem exemplificado uma das grandes lições do Prof. Carvalho Calero: o respeito, a diversidade, mas uma fonte comum.

Cabanelas dá, a continuação, passo ao convidado para falar, explicitamente, do Prof. Carvalho Calero. Trata-se de do lexicógrafo, do Patriarca já para muitos de nós, Isaac Alonso Estraviz. Estraviz fala do seu relacionamento com Carvalho, e incide no seu exemplo para todos e todas nós lutarmos unidos pela dignidade e sobrevivência do português da Galiza. «Carvalho Calero é a fonte», concorda nisso com Cabanelas, com Luís Fontenla, com o auditório que enche por inteiro a loja da Torga. Conta detalhes e faz rir todo o diverso pessoal que está a ouvir atentamente.

E o tempo corre. O público participa também com as suas opiniões e Maria Vitória Carvalho Calero, filha do Prof., agradece o evento e prevê um bom futuro, numa linha de diálogo, tolerância e compreensão. Aplaudimos todas e todos e vamos tomar um copo com a perspectiva de termos avançado mais um algo no caminho de agirmos juntos para tentar que o magistério de Carvalho Calero se torne uma realidade num dia não lá muito tardio.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Título: Lançamento do livro «Carvalho Calero, a Nossa Homenagem»
Emissão: Inédita (prevista em Rádio Alhariz)
Data: 10 de Março de 2006, 20h30
Lugar: Livraria Torga (Ourense)
Duração: 55 min. 15 seg.
Participantes: .- Luís Fontenla (Secretário de Organização do MDL)

.- Isaac Alonso Estraviz (lexicógrafo e Secretário da AGAL)
Apresentaçom: .- Ricardo Cabanelas (Responsável pelas Actividades do MDL)
Gravação: Digitalizada em formato MP3 a 44 Khz e 128 Kbps
Arquivo mp3:
(53.0M)
Fazer Descarga  Fazer Descarga
=> [Botão direito, Salvar Como...]

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

Escrito em 11-03-2006, na categoria: Língua, Áudio
Chuza!

2 comentários

Comentário de: xico [Visitante]
xico

Obrigado, Vítor.

Um abraço.

Xico Paradelo

12-03-2006 @ 00:40
Comentário de: José André Lôpez Gonçâlez [Visitante]
José André Lôpez Gonçâlez

Excelente!!! Magnífico!!!.
Nao tenho palavras. Falar assim de D. Ricardo, o mais grande, o mais singularmente excelso dos historiadores da nossa literatura, o mais valeroso e garboso defesor da nossa fala, só tem um qualificativo: MARAVILHOSO.
Temos de lembrar sempre, todos os que amamos à nossa Naçao que, quando ele morrer, ninguém, ninguém da Real Academicinha de Portunhol foi acompanhá-lo.
Desde esta cidade de Alcalá de Henares,
o que vos posso dar: o agradecimento, pois só entre todos podemos render melhor homenagem ao Mestre sempre vivo.
Saudaçoes e adiante! A luita prossegue.

08-06-2006 @ 22:28

        Busca

      free blog tool