Militantes negros buscam reforma política no Brasil-2-

09-04-2006

  23:58:08, por Corral   , 382 palavras  
Categorias: Novas

Militantes negros buscam reforma política no Brasil-2-

Mudanças chave

O Brasil foi o ultimo país a abolir a escravidão nas Américas e a herança do período persiste.
Desenvolvimento desigual relegou os contingents negros às areas mais pobres do país, mesmo ao redor das grandes capitais.
Repressão da elite, clientelismo e paternalismo frustaram organizações independents criadas pela sociedade civil.
A negação da sociedade que um problema racial existe.
Discriminação com base na cor é repassada ao conceito social.
Marginalização histórica delegou aos negros os piores e mal pagos trabalhos.
Cerca de 90% dos que vivem abaixo da linha de probreza são negros.
Os negros ficam em Segundo plano na prevenção e tratamento medicos.
Em favelas, a violência atinge um em cada três homens negros com menos de 19 anos

Agenda do Movimento Negro

Institucionalizar o debate ea discussão sobre a natureza dos problemas raciais no Brasil. Implementar programas de ação afirmativa para conduzir o avanço dos negros.
Lutar para que processos por discriminação sejam julgados e não tenham fins inócuos.
Lutar contra o racismo policial.
Fornecer serviços sociais para coibir o avanço das drogas, violência, moradia precária. Aumentar acesso à educação, oportunidades e mobilidade social.
Promover a auto-estima negra em relação à sua cultura, história e identidade.
Resgatar a história negra e reescrever livros didáticos que falem da importância do negro no Brasil.
Lutar pela inclusão de negros na mídia e assegurar a criação de executivos negros.
Divulgar o tratamento dado aos negros no atendimento de saúde.
Combater o racismo entranhado na sociedade brasileira.

Táticas e Estratégia

Pressão para que o Judiciário seja mais efetivo em processos que envolvam a questão racial.
Campanhas, protestos e debates que aumentem a visibilidade das questões raciais e discriminação.
Divulgar mensagens via música, religião e outras tradições culturais.
A criação de mais escolas e universidades dirigidas aos negros.
Acordos internacionais com outros militantes da diáspora Africana para obter recursos, trocar idéias e promover uma agenda comum.
Esforços comuns entre militantes e ativistas podem ajudar a pressionar o governo a agir contra os probremas de hierarquia racial no Brasil.

Sem comentários ainda

Agosto 2020
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
 << <   > >>
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31            

Busca

  Feeds XML

Ferramentas de administração

free blog software