O genocídio palestino

27-10-2006

  21:20:09, por Corral   , 138 palavras  
Categorias: Novas, Ossiam

O genocídio palestino

De Alba Rico e um pouco de Ossiam

Nenhum Auschwitz albergou nunca 1.200.000 prisioneiros; Gaza si.

Nenhum Auschwitz foi celebrado ou aceitado publicamente; Gaza si.

O que os nazistas ocultaram, sacralizando assim a suas vítimas, os israelenses o exibem sem vergonha, sacralizando desta maneira sua agressão. A publicidade do crime alimenta a fonte religiosa, extrajurídica, da legitimidade sionista. E o mundo suporta sem inmutarse o genocídio do povo palestino em mãos dos nazistas-sionistas.

Israel nasce com um crime e cada minuto de normalidad de seus cidadãos é contemporâneo de um novo crime.

Ariel Sharon, numa entrevista de 1984, dizia-se disposto a matar um milhão ou dois de árabes para conseguir que Israel fora, após isso, um "país normal. Os palestinos, vinha a dizer, são nossos "índios", nossos "moriscos", nossos "judeus".

Sem comentários ainda

Junho 2024
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
 << <   > >>
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30

Busca

  Feeds XML

Ferramentas de administração

blog tool