CANTA O MERLO: Quem som os islamo-fascistas ?(I)

08-08-2012

Link permanente 11:22:57, por José Alberte Email , 277 palavras   Português (GZ)
Categorias: Ensaio

CANTA O MERLO: Quem som os islamo-fascistas ?(I)

http://resistencialibia.info

Glossário de termos empregados pola nossa Agência Al Mukawama mas nom explicados até a data de hoje

SUNISMO-CHIISMO: Cisma no Islám ocorrido em 657 entre os partidários de Ali (chiitas) e os partidários da "ortodoxia", os sunitas que representam ao 80 % dos muçulmanos.

SALAFISMO: corrente rigorista muçulmana sunita que toma o seu nome da palavra árabe “salaf” que significa os "predecessores". Fantasia reaccionária sobre um suposto Islám "puro" e dos seus "origens" que seria supostamente contaminado polas inovaçons "pecaminosas" ou “bidaa”. O seu primeiro ideólogo é Ahmed Ibn Hanbal (780-855) cujos dous discípulos tenhem influência hoje: É sírio Ibn Taymiya (1263-1328) tomado como referência ideológica da contra-revoluçom síria, partidário de assassinar sem contemplaçons aos alauitas (rama do chiismo) e aos homossexuais, estes a pedradas e queimados vivos. O outro discípulo é Mohámede Ibn Abdelwahab (1703-1792). Ambos os contrários à tradiçom progressista, tolerante, respeitosa, amante da ciência e o progresso do Islám clássico que deu luz a umha civilizaçom avançada desde os Pirenéus até a China na sua época clássica. Esta corrente segue produzindo predicadores criminais como Ibrahim Ao Maghribi que no século XIX emite umha “fatwa” ou resoluçom exigindo que se massacre a todos os alauitas ou o xeque Nuredin ao Albani morrido em 1999 que proibia ver tv e rádio.

WAHABISMO: Corrente ultra-reaccionaria fundada pola mencionado Abdelwahab que é oficial no estado feudal obscurantista de Arábia Saudita. Partidária de umha desigualdade extrema entre homens e mulheres, castigos físicos como núcleo do código penal, rejeiçom aos direitos humanos e à democracia burguesa e abominaçom do socialismo e a democracia popular, respeito absoluto à hierarquia social, esmagamento às minorias religiosas e étnicas, na prática aliança a vida e morte com o imperialismo norte-americano.

Sem comentários ainda

Deixe o seu comentário


Seu endereço de e-mail nom será revelado nesse site.

Sua URL será exibida.
(Quebras de linha se tornam <br />)
(Nome, e-mail & website)
(Permitir que usuários o contatem através de um formulário eletrônico (seu e-mail nom será exibido.))
Abril 2014
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
 << <   > >>
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30        

Busca

Feeds XML

Ferramentas do usuário

powered by b2evolution