Categoria: Léxico

Dá-me o corpo que esta expressom é popular, mas correta

08-04-2014

CONSULTA:

Boa tarde,

gostaria de consultar a expressom «dar o corpo» ou «dar no corpo» como sinónimo de «intuir». Qual das duas é a expressom correta? Ou som as duas? Que origem tem?

Parabéns polo vosso labor.

Obrigado

Óscar

RESPOSTA DA COMISSOM LINGÜÍSTICA:

Como refere o amável consulente, a expressom popular dar [a alguém] o corpo utiliza-se com o sentido de 'pressentir qualquer cousa', como em «Dava-me o corpo que, desta vez, ia superar a prova». No mesmo sentido, também se pode recorrer às expressons ter um palpite ou ter um pressentimento.

Categoria(s): Fonética, Léxico
Chuza!
Empada e empadinha

14-02-2014

Diferentes formas da empada no mundo lusófono: ao fundo, a mais comum no Brasil e em Portugal, parecida com a empadinha da Galiza; à frente, a conhecida empada galega

CONSULTA:

No dicionário aparece a distinçom entre empada e empanada; porém, na oralidade nunca ouvim.

No Brasil a nossa empada é o empadão. E empada a empanadilla. Como devemos denominar na Galiza as empanadas? E as empanadillas?

Obrigado!

Diego

RESPOSTA DA COMISSOM LINGÜÍSTICA:

Embora os dicionários luso-brasileiros registem as formas empanada e empanadilha para designar duas especialidades culinárias bem populares na Galiza, em galego nom podemos aceitar tais denominaçons, por serem claramente castelhanas, e nom galego-portuguesas (repare-se nos castelhanos n intervocálico e sufixo -ilha dessas formas). Por conseguinte, para designarmos em bom galego-português da Galiza as especialidades culinárias galegas cujos nomes castelhanos som empanada e empanadilla, recorreremos, respetivamente, às formas genuínas galego-portuguesas empada e empadinha

Categoria(s): Léxico
Chuza!
«Cambio» ou «troca»? «Em troca» ou «no entanto»?

02-02-2014

Na ilustraçom de cima, umha troca de prendas; na de baixo, cámbio de diferentes moedas

CONSULTA:

É correto o uso de «en cámbio"? Exemplo: «Sempre transijo; em cámbio, ti tés que sair sempre com a tua.»

Joám

RESPOSTA DA COMISSOM LINGÜÍSTICA:

Nom, nesse caso nom é correto o uso de cámbio. O uso da palavra cámbio, em galego-português, deve restringir-se àqueles enunciados relacionados com as divisas («cámbio dólar-euro», p. ex.). Por outro lado, quando a voz castelhana cambio tem o valor de permuta (p. ex., na locuçom a cambio de), em galego equivale a troca, e quando tem o valor de transformaçom, equivale em galego a mudança, (ou alteraçom). No entanto, na locuçom castelhana en cambio, cambio tem valor de contraste ou de oposiçom, de modo que aí equivale a umha conjuçom ou locuçom galega adversativa ou contrastiva, como no entanto, porém, enquanto (que), polo contrário... Por conseguinte, o exemplo proposto formula-se assim em bom galego: «Eu sempre transijo; polo contrário, tu tens sempre de levar a melhor!» ou «Eu sempre transijo; no entanto, tu tens sempre de levar a melhor!».

Categoria(s): Léxico
Chuza!
Deslizar

04-12-2013

CONSULTA:

É correto o uso do verbo deslizar, por exemplo para desportos como o esqui, patinagem ou devem-se usar outros como escorregar? Se correto, é frequente o seu uso?

Obrigado

Leiro

RESPOSTA DA COMISSOM LINGÜÍSTICA:

Às duas perguntas que nos fai o amável consulente devemos responder na afirmativa: é, com efeito, correto utilizarmos em galego-português o verbo deslizar (além de escorregar) para nos referirmos ao deslocamento sobre neve, gelo ou outra superfície lisa de esquiadores e patinadores, e trata-se de um uso vocabular freqüente. A este respeito, é de interesse notar que, em contraste com o que acontece em castelhano, deslizar se utiliza em galego-português como verbo nom pronominal (sem o pronome se): «Os esquiadores deslizárom montanha abaixo».

tags: escorregar
Categoria(s): Léxico
Chuza!
Bagagem de porao

18-07-2013

CONSULTA:

O motivo da minha consulta é a bagagem de porão. Num contexto internacional, fica claro que as malas que vão no compartimento de carga das naves são chamadas bagagem de porão. Na minha vida escuitei a voz porão, mas também sou do interior e não estou afeito ao léxico da navegação. No dicionário Estraviz não achei uma correspondência com porom, porám ou porao, polo que fiquei coa dúvida de se o termo teria presença alguma na Galiza. Se não, existe alguma outra palavra que podamos empregar neste contexto e que também seja reconhecível internacionalmente? Qual a sugestão da Comissom para o padrão galego?

Obrigado, Daniel.

RESPOSTA DA COMISSOM LINGÜÍSTICA:

Dado que as vozes bagagem e porão som abonadas pola primeira vez em galego-português com posterioridade ao séc. XIV (nomeadamente, as duas, no séc. XVI), na Galiza elas calham dentro do período de estagnaçom lexical e suplência castelhanizante (cf. parte de prescriçom enunciativa de O Modelo Lexical Galego da CL-AGAL). Nestas circunstáncias, de acordo com a proposta realizada em O Modelo Lexical Galego, a CL-AGAL recomenda preencher a correspondente lacuna lexical registada em galego (e expurgar o correspondente castelhanismo suplente) mediante a incorporaçom ao galego-português da Galiza da respetiva soluçom luso-brasileira. No presente caso, dada a etimologia de porão (< lat . planus), a forma recomendável em galego é bagagem de porao (cf. gal. chao).

tags: chao
Categoria(s): Léxico
Chuza!

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 ... 13 >>

    O Cosultório Lingüístico é um serviço da CL-AGAL para o povo galego, com o intuito de melhorar o conhecimento das normas prescritas por esta instituiçom, e dessa maneira ajudar a melhorar a qualidade da língua de todos/as as/os galegos/as.

    Busca

    Ligaçons:

    • Comissom Lingüística
    • AGAL
open source blog