Tags: toural

Toural ou Toral?

02-07-2011


Praça do Toural na cidade de Compostela

CONSULTA:

Em escritos reintegracionistas vejo às vezes Praça do Toural e outras Praça do Toral, na cidade de Compostela, eu pessoalmente sempre empreguei toural.
Eu conheço pola geografia galego-portuguesa vários Toural (Guimaraes, Fafe, etc.), e se procurarmos na net hai indicaçons de que existe noutros pontos este topónimo, polo que gostava de saber se é Toural ou Toral.

Aloia Fernández-Sampedro Carvalhido

RESPOSTA DA COMISSOM:

Toural ou Toral

O topónimo correto é Toural e portanto praça do Toural. O uso de Toral aplicado a esta praça compostelana deveu-se à já antiga castelhanizaçom da toponímia urbana, que o mantivo deturpado durante séculos.

No entanto, a consulta fai todo o sentido, porque é verdade que na altura em que muitos nomes de lugar galegos fôrom restituídos, produzírom-se algumhas resistências à plena galeguizaçom dos mesmos, representando este que nos ocupa umha delas, mas nom a única (cf. praça da Quintá, que continua, oficialmente, Quintana).

Segundo certo boato (desconhecemos a origem do mesmo) que ainda nom foi totalmente neutralizado, sendo a Galiza de cultura tam pouco taurina, nom faria sentido que umha praça central da sua capital figesse referência aos touros, explicando-se melhor que o topónimo remetesse para toro, 'tronco de árvore sem rama cortado transversalmente'. Desta maneira, o nome da praça poderia ficar como estava.

Nom obstante, a proposta alternativa (Toral) à felizmente hoje oficial (Toural) nom conta com documentaçom em galego que a abone e o próprio significado da palavra dá para desconfiar, havendo como há outra praça ponte-vedresa 'da Lenha', na qual se entende que era acumulada madeira para queimar, e nom apenas madeira cortada de umha forma mui determinada.

Porém, ainda há mais um argumento a favor de Toural, que pode ser aplicado como verdadeira 'regra de ouro' noutras dúvidas toponímicas. Tirando alguns nomes de lugar que se perdem nos primórdios da história ou na pré-história, qualquer topónimo galego costuma repetir-se, tanto na Galiza como em Portugal, umha cheia de vezes. Quando nom for assim, as nossas pesquisas poderám andar mal encaminhadas. Toural repete-se polo menos 16 vezes na nossa terra, e ainda se dá a relevante circunstáncia de dar nome a outra praça como a compostelana na cidade portuguesa de Guimarães, como indica a Aloia. Em ambas se terá vendido gado outrora, porque tanto os dicionários galegos como os portugueses ainda recolhem o termo toural com a seguinte definiçom: “Lugar na feira onde se compra e vende gado”.

Categoria(s): Léxico, Morfossintaxe
Chuza!