A RIFA GANHADORA DA CESTA

PESSOA GANHADORA: VEM BUSCAR A CESTA ANTES DO SÁBADO DIA 19 DE MAIO! Está o queijo, os chouriços, o mel, os doces e outras delícias a esperar por ti!

Escrito em 15-05-2012, na categoria: Notícias
DE ONDE É QUE VIMOS???? às 11h00 na porta do Museu do Povo Galego

Visita guiada por Ricardo Gurriarán (comisário) à exposiçom "Un canto e umha luz na noite. Associacionismo cultural na Galiza (1961-1975) " no Museu do Povo Galego organizada pola comissom de Memória Histórica da Gentalha.


http://www.museodopobo.es/exposicion.php?idexpo=168

Escrito em 11-05-2012, na categoria: Notícias
A NOITE DA FESTA DO 17, QUE SE FAI O 12

O sábado, 12 de Maio, a partir das 21h no Centro Social O Pichel:

21h Ceia buffet organizada pola comissom gastronómica da
Gentalha.

Ementa:
Bufet salada:4 €
Empada:2,50 €
Guiso vegetal ou com carne:4 €
Sobremesa:2,50 €

22h30 a Festa do 17 nas palavras de Xiana Árias.

CONCERTOS

As Avoas Filólogas

Retiradas da música por muitos anos, duas viguesas e duas corunhesas cansaram de estar no geriátrico e decidirom criar de novo e no seu tempo, uma banda galega. Sabem que entre Tui, Valença, Rio de Janeiro e Luanda todas as avoas se entendem. E quem entende, compreende.
As avoas filólogas sabem que ninguém é melhor do que o outro, que as chaves giram se um quer, melhor fazer agora que depois, e que vivemos num jogo de rol. As Avoas filólogas sempre gostaram do horizontal. As avoas filólogas também gostam de ler e brincar, mas isso é outro conto.

Sacha na Horta

Sacha na Horta nasce em 2007. Neste nascimento muito tivo que ver o licor café, a viagem a Barcelona e os concertos da Per Loca, a Casa do Sol, onde viviam as três cantoras e o guitarrista, mais licor café, e conversas intermináveis pelas noites de Compostela.
Mas, sobretodo, a semente de que agromou Sacha foi o Apologhit.
No ano 2007, o Apologhit buscava a cançom do Verao em galego. Nós apresentámo-nos... e ganhamos com o nosso primeiro tema: Biocultivos.
Houvo que juntar a banda e fazer um repertório para ir tocar a Cuba e trabalhamos muito para fazer algo jeitoso. E ali no Festíbulo botamos a andar a primeira formaçom de Sacha na Horta: Mané, Laina e Andrea (vozes), Manuel Paino (trompeta), Martiño (saxo), Alex (teclado), Brais (guitarra), Miguel (baixo) e Gustavo (bateria).
De toda essa energia, essa vontade, nasceu um feixe de temas. Temas que falam das nossas inquietaçons, alegrias, raivas e sonhos, sempre com um toque de retranca e uma crítica inconformista.
O primeiro concerto quigemos fazê-lo na casa : a estreia foi no 4 de dezembro do 2008 na Gentalha do Pichel, em Compostela.
Desde entom fôrom-se sucedendo os concertos (Pé na Estrada, Roi Xordo, Repercusión...) e a gravaçom do primeiro disco : Temos muito por sachar.
Inclui 6 trilhas e foi gravado entre Ribeira, Padrom e Poio polo Dr. Chou. Está pendurado na página da Regueifa Plataforma (www.aregueifa.net) para livre descarga.
Cousas da vida, gente que vai, gente que vem, Laina, Mané e Andre, as nossas três queridas cantoras apanharam outros rumos, outras latitudes, e Sacha tivo que buscar novas sachadoras que levassem com força o sacho, mulheres bravas deste país... e, como nom!, encontrámo-las!
A finais do 2009 incorporam-se a Sacha na Horta Alenya, Iseo e Maria, com muitas ganas e energia. E continuam os concertos, cada vez com mais mensagem, com mais humor, com vestuário... e novas cançons incendiárias e retranqueiras, como 'Busco Amante' ou 'Galiza Chamiza'. No 2011, finalmente, volta Mané à banda para completar o quarteto vocal de sachadoras actual.
Neste 2012 foi-se-nos outro membro, Miguel (baixo), a conquistar as orelhas colombianas. E no seu lugar demos com o actual baixista, Hadri, sangue nova para a horta!, bem disposto para fazer calo connosco.

DJ residente Joao Argimiro (pendente de confirmaçom)

Escrito em 09-05-2012, na categoria: Notícias
CRÓNICA DA CEIA-CONCERTO DO 25 DE ABRIL DE 2012

Tivemos ceia à portuguesa, com caldo e verde e bacalhau como é devido.
Tivemos companhia portuguesa durante a noite com Arnaldo e Irene, membros da AJA de Santarém que quigérom estar connosco neste dia tam especial e que tivérom umhas emotivas palavras de camaradagem; e companhia virtual dos amigos a amigas do Projeto Amigos Maiores, do Porto, com um vídeo que gravárom para nós o Paulo Esperança e a CatarinaT.
Tivemos exposiçom de cartazes do 25 de abril.
Tivemos lançamento do disco duplo "25 de abril sempre!", um fantástico trabalho que compila os temas mais emblemáticos da revoluçom portuguesa e, ainda, algumhas esquisitezes pouco conhecidas.
Tivemos concerto galego com o espectáculo inesquecível de Taghaitaí!, uns autênticos profissionais que pugérom a dançar absolutamente todo o mundo com a sua energia e força desbordante.
E tivemos a esperada estreia do coro da Gaita Armada, que nos deleitárom com o Grândola, o Carro e a Rama.
Para o ano, mais!!

Escrito em 09-05-2012, na categoria: Notícias, lingua
A TARDE DA FESTA DO 17

praça 8 de março
17h: Ruada com Airinhos do Maycar e encontro dos cabeçudos da Xuntanza e da Gentalha

Airinhos do Maycar é um grupo que evoca no seu nome ecos, às vezes ressacosos, das essências mais enxebres da noite compostelana. Umha uniom temporal de gaiteiros e outros músicos, que passárom por agrupaçons como Os Estalotes, Galegoz, e outros que provenhem directamente da sua casa, que tenhem por lema nom ensaiar, que é de covardes, tentar passar bem e acabar os temas à vez, cousa que conseguen em nom poucas ocasions. O grupo permanece latente, em longos letargos, até que umha boa causa, umha boa paparota, ou ambas cousas à vez o reclamam para sair à luz e despregar, para deleite de crianças e maiores, esses airinhos musicais (num princípio) que os caracterizam.

praça do pam
17h30 (na livraria Couceiro) Palestra: 'Desapariçom e Regeneraçom dos Meios em Galego' com Praza Pública, Dioivo, Novas da Galiza e Diario Liberdade

Entre as muitas facetas da erosom continuada da presença pública da nossa língua nos últimos anos tem sido especialmente visível a desapariçom de muitos média de comunicaçom em galego. Enquanto as ajudas governamentais “à promoçom da língua” continuam a ser dadas a cabeceiras que no melhor dos casos empregam o galego de forma vestigial, e nos mais tenhem umha linha editorial manifestamente contrária à sua sobrevivência.

A língua galega nos média vive momentos difíciles, porém nom todas as novas som negativas: continuama existir projectos alternativos mensais como o Novas da Galiza -que celebrou há pouco o se 10º aniversário- e também surgem alternativas apoiadas em Internet como o jornal digital Praza Pública ou espaço de publicaçom articulado por profissionais do jornalismo “exiladas” dos meios fechados chamado Dioivo. Com formatos e ninhos informativos diversos nasceram outras plataformas digitais: Diario Liberdade -centrado em novas e opiniom política da Lusofonia- a revista digital sobre cultura, tendências e consumo Disquecool ou a rede de blogues temáticos Vencello.

Neste contexto de resistência e criaçom surge também a campanha Vitaminas polo Galego, umha agrupaçom de meios e profissionais para promocionarem a língua galega como ferramenta de informaçom. Desde a sua criaçom o ano passado tenhem colheitado o apoio dos novos meios, publicaçons locais e comarcais de TV, rádio e imprensa num manifesto conjunto e na promoçom de palestras, concertos e outras iniciativas a prol do galego. Com esta intençom colabora connosco num debate sobre a presença da nossa língua nos meios.

praça das ánimas
17h30 Mostra de esgrima antiga com SCEA (Sala Compostelana de Esgrima Antiga)

A Sala Compostelana de Esgrima Antiga somos um coletivo de persoas adicadas à investigaçom, reconstruçom e prática das artes marciais da rica tradiçom ocidental, documentada em numerosos tratados e manuais que chegarom dende os seus séculos de apogeo (S.XVI - XVIII) até o presente.
O vindouro dia 12 poderás observar demostraçons de luita recolhidas destas tradiçons, cumha variedade de armas - espada longa, espada roupeira, jogo do pao... - e sem elas. Respostaremos a perguntas sobre estas técnicas e poderás experimentar ti mesma alguns dos simuladores seguros: sem gume ou ponta e empregando as proteçons adecuadas.
Se tes curiosidade por conhecer de perto as nossas atividades, podes encontrar mais informaçom na nossa web, e imagens, videos e convocatórias de eventos no Facebook:
http://www.gallaeciainarmis.info
http://www.facebook.com/gallaeciainarmis

praça do pam
18h30 Mostra de dança tradicional com as escolas de Cantigas e Agarimos, de Itaca e da Gentalha.

19h: Foliada com Airinhos do Maycar

Praça Oliveira (As Duas S.Coop Galega)
19h "Aprende a escrever em reintegrado numha hora" organizado pola comissom de defesa da língua da Gentalha

Umha das atividades que tem desenvolvido a Comissom de Língua nos últimos dous anos é o curso ‘Aprende a escrever em reintegrado numha hora’. É verdade que muitas vezes excedemo-nos um pouco,
costumando ficar numha hora e meia, mas a ideia principal que queremos transmitir com este obradoiro nom muda por causa disso: escrever em reintegrado é mais fácil do que se pensa e para o fazer nom é preciso mais que decidir fazê-lo:
Isto é assim, em primeiro lugar, porque nom existe um reintegrado invariável que todo o mundo empregue religiosamente. O único que distingue o galego reintegracionista dos outros é que utiliza a ortografia portuguesa (ou histórica, ou etimológica, que temos definiçons para todos os gostos) para representar na escrita o que na fala todos e todas dizemos igual (sejamos ou nom reintegratas). Por isso, nom é preciso que estudasses filologia nem que continues a dedicar duas horas diárias a falar sobre língua com os teus amigos para seres reintegrata. Basta ter umhas noçons de ortografia e lançarte.
Isso é o que ensinamos nesse curso: as noçons de ortografia reintegrada imprescindíveis para poderes lançar-te a escrever no mesmo momento em que saias (com a decisom tomada, isso sim) do curso. É verdade que a partir daí pode melhorar-se muito, ou muitíssimo, e sempre haverá algum repugnante que pretenda fazer-nolo
notar. Nem caso! Ainda que fosse só pondo enes agás, eles agás, emes finais, e as terminaçons –çom e –ava (no nosso curso será muito mais, tampouco te enganes), já se pode dizer que estás a escrever em reintegrado, porque neste movimento, mais que em nengum outro, sim
que conta muito a intençom.
Bem-vinda, bem-vindo!
comissom de língua da gentalha do pichel

Escrito em 07-05-2012, na categoria: Notícias
A MANHÁ DA FESTA DO 17

Praça das Ánimas
10h elaboraçom dum Maio
e jogos populares para crianças

Praça 8 de Março
11h Ruada com Arinhos do Maycar e Cabeçudos

Airinhos do Maycar é um grupo que evoca no seu nome ecos, às vezes ressacosos, das essências mais enxebres da noite compostelana. Umha uniom temporal de gaiteiros e outros músicos, que passárom por agrupaçons como Os Estalotes, Galegoz, e outros que provenhem directamente da sua casa, que tenhem por lema nom ensaiar, que é de covardes, tentar passar bem e acabar os temas à vez, cousa que conseguen em nom poucas ocasions. O grupo permanece latente, em longos letargos, até que umha boa causa, umha boa paparota, ou ambas cousas à vez o reclamam para sair à luz e despregar, para deleite de crianças e maiores, esses airinhos musicais (num princípio) que os caracterizam.

Praça 8 de Março
11h Visita guiada à exposiçom "Un canto e umha luz na noite. Associacionismo cultural na Galiza (1961-1975) " no Museo do Pobo Galego organizada pola comissom de Memória Histórica da Gentalha

Praça do Pam
De 12h a 14h30: Obradoiro de Teatro do Oprimido
organizado pola comissom de Cultura Tradicional e Novas Criaçons da Gentalha

Praça 8 de Março
13h: Sessom vermu com Cé Orquestra Pantasma.

Cé orquestra Pantasma é um projecto musical aberto cheio de possibilidades, já que anos de experiência, tanto como intérprete, compositor e director musical em bandas de distinta índole, como mestre de música, permitírom-lhe atingir umha grande versatilidade e conhecimento do mundo musical.
O facto de dispor de repertórios diferentes dá-lhe a possibilidade de eventos de todo o tipo: animaçom na rua, festivais, festas populares, música para crianças, para adultos, celebraçons particulares… as suas actuaçons convertem-se numha grande festa onde a implicaçom e participaçon do público é umha das cousas mais importantes.

Praça 8 de Março
14h: Jantar Popular (teremos carpa)
Reservai quanto antes o vosso bono!

Praça 8 de Março
16h OS CONTOS DE FÁTIMA BERMEJO

Fátima Bermejo (Compostela, 1970)
Terapeuta de jogo e actriz.
Actriz e contacontos profissional desde 1993.
Licenciada em Sociologia e Diplomada em Iogaterapia, trabalhou como professora de Teatro e Jogo Dramático em Madrid, Estremadura e Andaluzia.
Utilizando a narraçom oral e o teatro como instrumento, trabalhou vários anos em Córdoba a cargo da sua própria empresa, realizando actividades de sensibilizaçom em igualdade de género, solidariedade, educaçom para a paz… e obradoiros específicos para grupos de mulheres.

Escrito em 07-05-2012, na categoria: Notícias
Atividades Semanais

QUARTA 9 de MAIO
21h30
CINECLUBE
Para non estar aquí
(In Order Not To Be Here, Deborah Stratman, EUA, 2002, 30', VOSG)
+
Imaxes de prisión
(Gefängnisbilder, Harun Farocki, Alemaña, 2003, 60', VOSG)

SÁBADO 12 de MAIO
FESTA do 17 que se fai o 12

PROGRAMA:
Praça 8 de Março
11h Ruada com Arinhos do Maycar e Cabeçudos
11h Visita guiada à exposiçom "Un canto e umha luz na noite. Associacionismo cultural na Galiza (1961-1975) " no Museo do Pobo Galego organizado pola comissom de Memória Histórica da Gentalha
13h: Sessom vermu com Cé Orquestra Pantasma.
14h: Jantar Popular (teremos carpa)
16h: Contos com Fátima Bemejo
17h: Ruada com Airinhos do Maycar e encontro dos cabeçudos da Xuntanza e da Gentalha 

Praça do Pam
De 12h a 14h30: Obradoiro de Teatro do Oprimido organizado pola comissom de Cultura Tradicional e Novas Criaçons da Gentalha
De 16h a 19h Feira do livro galego.
17h30 (na livraria Couceiro) Palestra: 'Desapariçom e Regeneraçom dos Meios em Galego' com Praza Pública, Dioivo, Novas da Galiza e Diario Liberdade
18h30 Mostra de dança tradicional com as escolas de Cantigas e Agarimos, de Itaca e da Gentalha.
19h: Foliada com Airinhos do Maycar

Praça das Ánimas
A partir das10h elaboraçom dum Maio para crianças e jogos populares dinamizados por animadoras socioculturais organizado pola comissom de Semente da Gentalha
17h30 Mostra de esgrima antiga com SCEA (Sala Compostelana de Esgrima Antiga)

Praça Oliveira (As Duas S.Coop Galega)
19h "Aprende a escrever em reintegrado numha hora" organizado pola comissom de defesa da língua da Gentalha

Centro Social O Pichel
21h Ceia buffet organizada pola comissom gastronómica da Gentalha.
22h30 a Festa do 17 nas palavras de Xiana Árias
CONCERTOS
As Avoas Filólogas
Sacha na Horta
DJ Joao Argimiro

Escrito em 05-05-2012, na categoria: Notícias
Atividades Semanais

QUINTA 3 de MAIO
20h30
Apresentaçom do livro
José Pasín Romero. Memoria do proletariado militante de Compostela
Com o autor Dionísio Pereira

SEXTA 4 de MAIO
22h
Pinchada de Rock e Punk clássico
Com oferta em combinados 2x6€

Escrito em 03-05-2012, na categoria: Notícias
FESTA DO DEZASSETE QUE SE FAI O 12! PROGRAMA DEFINITIVO

12 de maio de 2012

Praça 8 de Março:

11h Ruada com Arinhos do Maycar e Cabeçudos

11h Visita guiada à exposiçom "Um canto e umha luz na noite. Associacionismo cultural na Galiza (1961-1975) " no Museo do Pobo Galego organizado pola comissom de Memória Histórica da Gentalha

13h: Sessom vermu com Cé Orquestra Pantasma.

14h: Jantar Popular (teremos carpa)

16h: Contos com Fátima Bemejo

17h: Ruada com Airinhos do Maycar e encontro dos cabeçudos da Xuntanza e da Gentalha

Praça do Pam

De 12h a 14h30: Obradoiro de Teatro do Oprimido organizado pola comissom de Cultura Tradicional e Novas Criaçons da Gentalha

De 16h a 19h Feira do livro galego.

17h30 (na livraria Couceiro) Palestra: 'Desapariçom e Regeneraçom dos Meios em Galego' com Praza Pública, Dioivo, Novas da Galiza e Diario Liberdade

18h30 Mostra de dança tradicional com as escolas de Cantigas e Agarimos, de Itaca e da Gentalha.

19h: Foliada com Airinhos do Maycar

Praça das Ánimas

10h elaboraçom dum Maio para crianças e jogos populares dinamizados por animadoras socioculturais organizado pola comissom de Semente da Gentalha

17h30 Mostra de esgrima antiga com SCEA (Sala Compostelana de Esgrima Antiga)

Praça Oliveira (As Duas S.Coop Galega)

19h "Aprende a escrever em reintegrado numha hora" organizado pola comissom de defesa da língua da Gentalha

Centro Social O Pichel

21h Ceia buffet organizada pola comissom gastronómica da Gentalha.
22h30 a Festa do 17 nas palavras de Xiana Árias
CONCERTOS
As Avoas Filólogas
Sacha na Horta
DJ Joao Argimiro

Escrito em 03-05-2012, na categoria: Notícias
COMEÇA A ROLDA DE APRESENTAÇONS DA SEMENTE


A Comissom da Semente da Gentalha do Pichel decidiu implementar um programa de actos por distintos locais de Compostela para apresentar o nosso centro de ensino. Seram conversas nas que participaram promotaras e persoal da escola e serviram para solucionar, de primeira mao, qualquer dúbida sobre a Semente.

Escrito em 02-05-2012, na categoria: Notícias
JÁ PODES COLABORAR COM A FESTA DO 17: RIFA E JANTAR

Podedes comprar rifas da Festa do 17 por valor de 1 eurinho que vos permitirám aceder ao sorteio dumha fantástica cesta de produtos gastronómicos galegos de primeira qualidade! Com essa pequena ajuda estaredes colaborando a financiar a nossa maior festa anual.

Lembramos-vos também que, como cada ano, contaremos com SESSOM VERMU e JANTAR POPULAR. O jantar, que terá um peço de 15€, constará de empada, carne ao caldeiro, sobremesa, vinho e café. É para nós mui importante poder contar já com umha previsom de comensais, já que a empresa que instala a carpa e as mesas da comida exige um número mínimo de pessoas a jantar. Caso nom as tenhamos, teremos que pagar umha importante quantidade de dinheiro. Por isso vos agradecemos muito que, se tendes pensado jantar connosco, compredes ja o bono no Pichel.

Escrito em 01-05-2012, na categoria: Notícias
Atividades Semanais

QUARTA 25 de ABRIL
21h30
Cineclube
48
(48, Susana de Sousa Dias, Portugal, 2010, 93', VOSG

SEXTA 27 de ABRIL
16h
Jornadas de formaçom da CUT sobre direitos sociais
Com Diego Lores e Manolo Bayona

22h30
Concerto Vitaminas para o galego
TERBUTALINA MORGAN

SÁBADO 28 de ABRIL
16h
Jornadas de formaçom da CUT sobre direitos sociais
Com Alicia Alonso e Manolo Cañada

21h
FESTA galego-portuguesa polo 25 de Abril
Ceia Portuguesa
Apresentaçom do disco duplo 25 de Abril sempre!
Concerto TAGHAITAÍ e a estreia da Coral da Gaita Armada

Escrito em 25-04-2012, na categoria: Notícias
HOJE É O ÚLTIMO DIA PARA FAZER RESERVA DA CEIA DE COMEMORAÇOM DA REVOLUÇOM DOS CRAVOS

Festa galego-portuguesa para comemorar o 25 de abril

sábado 28 de abril no C.S O Pichel


21h00
- ceia portuguesa
: entradas, caldo verde, bacalhau e papas de arroz. Vinho verde e café.

- apresentaçom do novo disco duplo: 25 de abril Sempre!
(Com temas de discos inéditos e documentaçom surpreendente)

- Saudaçom das companheiras do Projeto "Amigos maiores que o Pensamento"


22h30
- concerto
: TAGHAITAÍ!!! TOUR DE BAIXURA + estreia da coral GAITA ARMADA

* É obrigatório ter bono para a ceia (venda antecipada no Pichel e reservas no mail da gentalha ATÉ O 26 DE ABRIL)
. O preço da ceia inclui o concerto: 15€
. Preço do concerto sem ceia: 3€ (4€ para nom sócias)

Escrito em 25-04-2012, na categoria: Notícias

<< 1 ... 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 ... 95 >>

    SEMENTE

    PROJETO PONTOS

    Projeto Pontos

    Pontos em galego. O galego em pontos

    Somos um grupo de compostelanas e compostelanos decididos a fazer activismo cultural na nossa cidade e comarca. A língua e cultura galegas, a vontade de aprender, de difundir e recuperar os nossos costumes, a nossa história, a nossa música... som os nossos eixos de trabalho.

    Documentário Quatro anos de Gentalha já na rede!

    A Gentalha do Pichel Centro Social O Pichel Loja da Gentalha

    CONTACTO

    ENDEREÇO: rua santaclara, 21, compostela

    HORÁRIO do centro social

    E-MAIL: gentalhadopichel [arroba] gmail [ponto] com

    TELEMÓVEL:698142936

    AGENDA DE EVENTOS

    Ligaçons

    Portal Galego da Língua Sinaliza


    A Gentalha participa em:

    Plataforma Galega Anti-transgênicos GALIZA NOM S€ VENDE


    Entidades associadas ao Pichel:

    Akalimera Cineclube de Compostela Novas da Galiza Associaçom Galega da Língua


    Centros Sociais:

    Arrincadeira Aguilhoar - Ginzo de Límia Almuinha - Marim Fundaçom Artábria - Ferrol Aturujo - Local Social - Boiro Baiuca Vermelha - Ponte Areias A Casa da Estacion - Ponte D'Eume Cova dos Ratos - Vigo Local Social A Esmorga de Ourense Local Social Faísca - Vigo Foucelhas - Ordes O Fresco - Ponte Areias C.S. Gomes Gaioso - Corunha Henriqueta Outeiro - Compostela MadiaLeva-Lugo ReviraVolta - Ponte Vedra A Revolta - Vigo Sociedade Cultural e Desportiva do Condado - Salvaterra de Minho A Tiradoura - Reboredo (Cangas) A Treu - Corunha

    Busca

    O blogue do Apalpador

    powered by b2evolution free blog software