Apresentaçom do livro teoria de inverno

26-12-11

Nesta quarta-feira 28 de dezembro às 20h30 terá lugar a apresentaçom do livro "Teoria de Inverno. Os presentes do Apalpador" com a participaçom da Comissom de Memória Histórica da Gentalha do Pichel.

Escrito ?s 12:53:16 nas castegorias: ACTIVIDADES
por csrevolta   , 31 palavras, 582 views     Chuza!
Apresentaçom do coletivo Negres Tempestes

24-12-11

Nesta terça-feira 27 de dezembro às 19h30 terá lugar a presentaçom do colectivo anarco-independentista catalám Negres Tempestes.

Escrito ?s 19:33:08 nas castegorias: ACTIVIDADES
por csrevolta   , 16 palavras, 329 views     Chuza!
Endereços provisórios de Antom, Edu, Maria e Teto

12-12-11

Desde o Organismo Anti-represivo Ceivar fam um chamamento a fazer chegar as vossas cartas e postais aos presos e à presa independentistas galeg@s, co fim de rechar o isolamento e achegar-lhes o abraço solidário do nosso povo.


Roberto Rodriguez Fialhega
(Preso independentista galego)
C. Penitenciário de Madrid VII
Crtra. M-241, km. 5,750
28595 Estremera (Madrid)
Espanha


Eduardo Vigo Dominguez
(Preso independentista galego)
C. Penitenciário de Madrid IV
Crtra. N-V, km. 27,7
28600 Navalcarnero (Madrid)
Espanha


Maria Osório Lopes
(Presa independentista galega)
C. Penitenciário de Madrid V
Crtra. Comarcal 611, km. 37,6
28770 Soto del real (Madrid)
Espanha


Antom Santos Peres
(Preso independentista galego)
C. Penitenciário de Madrid VI
Crtra. Nacional 400, km. 28
28300 Aranjuez (Madrid)
Espanha

Escrito ?s 18:35:52 nas castegorias: ACTIVIDADES
por csrevolta   , 107 palavras, 554 views     Chuza!
A REVOLTA PERANTE AS DETENÇONS DE QUATRO CIDADÁNS GALEGOS

02-12-11

Na passada quarta-feira 30 de novembro fôrom sequestrad@s quatro pessoas sócias, cidadáns galeg@s que de ter cometido algum delito é o de nom renunciar à naçom galega. As gadoupas do estado espanhol arrebatárom a esta cidade quatro vizinh@s que nom assumem a dominaçom espanhola baixo a que se atopa o povo deste país, país que podem nom voltar pisar em muito tempo, polo que devemos exigir a sua imediata posta em liberdade e o regresso à terra da que nunca os devérom levar.

Ademais das casas particulares e familiares e do CS Arredista, o local da nossa associaçom também foi registado na noite dessa mesma quarta-feira na presença do companheiro Teto e com a impunidade que lhes dam as suas armas a estes servos de espanha e do capital que dam em chamar polícia.

Sem mais passamos a reproduzir o comunicado do organismo popular anti-repressivo ceivar e disponibilizamos o video realizado por GalizaContrainfo, o único meio de informaçom que nom presta serviço ao estado fazendo de altofalante do estado dos presentes durante o registo do local (CRTVG, Faro de Vigo, agências, LaVoz, etc.)

COMUNICADO DE CEIVAR PERANTE AS DETENÇONS DO 30 DE NOVEMBRO

Mais umha vez, Espanha lança os seus cans de presa contra galegas e galegos dignos. Sabemos como é o procedimento; o nosso povo leva séculos padecendo-o: homes armados e pagados polo Estado entram nas nossas casas para arrebatar-nos àquelas e àqueles que levam exactamente os mesmos séculos impedindo que a Galiza morra.

Hoje, ademais, todo um protocolo mediático e psicológico acompanha este tipo de operaçons: silêncios medidos, declaraçons pre-fabricadas, ameaças, condenas, presença policial...pretendem extender um clima de dessassosego e terror entre os círculos sociais e militantes daqueles que luitam. Os nossos companheiros detidos, as nossas comunicaçons intervidas, os nossos centros sociais assaltados, as nossas vidas ameaçadas....isso, exactamente isso, é o "estado de direito" espanhol. Umha maquinária desenhada e lubricada para romper a nossa tranquilidade e os nossos nervos, mas ante a que sabemos responder com serenidade, apoio mútuo, e as portas e os braços da nossa comunidade abertos de par em par.

Jessica Rodriguez, Eduardo Vigo e Teto Fialhega fôrom detidos hoje pola única organizaçom armada que leva aterrorizando o nosso povo desde hai geraçons: a Espanha dos militares golpistas, dos polícias torturadores, dos políticos ao serviço do Capital e dos oligarcas impunes. Os nossos dous companheiros e a nossa companheira, a quem o inimigo acusa de terroristas, som agora --no calabouço no que se encontrem, diante do mercenário que os custódia ou os interroga-- o exemplo mais vivo da dignidade galega umha e mil vezes submetida à violência dos poderosos. Nós, quem nos sentimos orgulhosas e orgulhosos das suas trajectórias humanas e militantes, concentramo-nos hoje aqui para expressar ao mesmo tempo a nossa raiva e a nossa solidariedade,e, ademais:

1. Para informar a sociedade galega de que, mais umha vez, os médios mentem. De que os galegos e a galega detidos hoje nom representavam nengum perigo para a nossa sociedade, de que, de facto, só "aterrorizavam" àquelas e àqueles que querem governar sobre ovelhas, que nom consentem que este país de "paletos" e "coitadinhos" se empenhe umha e mil vezes em ser um povo de pessoas dignas, livres e rebeldes.

2. Se de algo serve, para exigir a um Estado ao que a democracia e os direitos humanos lhe provocam alérgia, o trato digno e respeituoso que todo prisioneiro merece. Alertamos da aplicaçom de medidas excepcionais e da supressom das garantias mínimas para os detidos e para a detida, e recordamos as denúncias insistentes que Espanha leva recebendo anto trás ano por parte dos mais prestigiosos organismos internacionais de defesa dos direitos humanos.

3. Para erguermos mais umha vez o punho da dignidade, do orgulho e da luita, esse mesmo punho que Jessi, Teto e Eduardo tenhem agora mesmo algemado, mas que neles, em nós próprios e nos que virám, representa a vontade galega de existir, de luitar e de vencer.

ANTES MORT@S QUE ESCRAV@S!
JESSI, TETO, EDUARDO, CATA, LIBERDADE!!
VIVA GALIZA CEIVE! VIVA A RESISTÊNCIA NACIONAL!

Escrito ?s 16:46:40 nas castegorias: ACTIVIDADES
por csrevolta   , 666 palavras, 1217 views     Chuza!
JORNADAS EM DEFESA DO BAIRRO DO CURA

23-11-11

Como informou galizalivre.org, a filtraçom de informaçom à imprensa do regime obrigou a fazer pública desde já a okupaçom do antigo asilo do Bairro do Cura na Zona Velha de Vigo e as atividades previstas.

Durante as últimas horas um grupo de activistas adicarom esforços ao acondicionamento de parte do imóvel destinado por Valeri Karpin e o alcaide Abel Caballero para a construçom de vivendas de luxo e áreas comerciais. Mas nom estamos dispostas/os a deixalo estar sem mais, nem vamos ficar de braços cruzados ante tal disparate.

Até o de agora nom houvo maiores complicaçons, dous polícias locais achegáronse até o lugar mas sem realizar identificaçom algumha. Assegurarom saber que estám dentro mas que nom estavam lá pola ocupaçom. Também contarom com a inesperada visita de jornalistas de diferentes meios que ante a negativa de fazer declaraçons decidirom marchar. Nos próximos dias seguiremos informando.

Fazemos um chamamento ao tecido associativo da cidade a se implicar activamente na defesa do Bairro do Cura.

PARTICIPA DAS JORNADAS DO BAIRRO DO CURA!!
STOP ESPECULAÇOM!!
OKUPA E RESISTE!!

Escrito ?s 11:44:03 nas castegorias: ACTIVIDADES
por csrevolta   , 175 palavras, 1254 views     Chuza!
Ceia solidária com os presos independentistas

15-11-11

O vindouro 18 de novembro, às 21h30 horas a Assembleia Comarcal do Organismo Anti-Repressivo Ceivar, organiza umha ceia no CS Revolta.

O menú: caldo vegetal, arroz de marisco ou vegetal, sobremesa e bebida. Preço de custo.

Escrito ?s 12:26:48 nas castegorias: ACTIVIDADES
por csrevolta   , 35 palavras, 567 views     Chuza!
MAGOSTO POPULAR NA REVOLTA

09-11-11

Nesta sexta-feira 11-11-11 celebraremos o magosto na Revolta. A partir das dez da noite haverá castanhas e chouriços.

Escrito ?s 08:48:04 nas castegorias: ACTIVIDADES
por csrevolta   , 17 palavras, 514 views     Chuza!
samaim na revolta

25-10-11

31 de Outubro Samaim 2011 no Centro Social Revolta

Para @s antig@s, o tempo de Samaim marcava o fim da época luminosa do ano e o começo do tempo escuro. Assim representa o trânsito entre a vida (o Verao) e morte (o Inverno) intercambiando-se o mundo humano com o mundo divino. O Samaim é umha tradiçom própria da Europa Ocidental e estendia-se por Galiza, Portugal, norte da península Ibérica e Irlanda, Bretanha, Escócia,... Assim na Galiza era tradicional fazer caveiras com cabaças e colocá-las em caminhos escuros, deixar pam e vinho na noite de defuntos para que as ánimas pudessem gozar dos bens da terra. Em muitos lugares ficava a lareira prendida. Esta tradiçom milenária fica hoje, bem no esquecemento, bem colonizada polo Halloween.

Escrito ?s 22:02:40 nas castegorias: ACTIVIDADES
por csrevolta   , 122 palavras, 965 views     Chuza!
imagens charla equanimal

07-10-11

Imagens realizadas por Galiza Contrainfo.

Escrito ?s 11:59:56 nas castegorias: ACTIVIDADES
por csrevolta   , 5 palavras, 920 views     Chuza!
imagens concerto Labregos do Tempo dos Sputniks

05-10-11

Imagens e video realizados por Galiza Contrainfo.

Escrito ?s 12:23:38 nas castegorias: ACTIVIDADES
por csrevolta   , 7 palavras, 479 views     Chuza!

<< 1 ... 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 ... 40 >>