COMUNICADO DO CONSELHO GERAL DA GENTALHA DO PICHEL

COMUNICADO DO CONSELHO GERAL DA GENTALHA DO PICHEL

Neste contexto mediático-policial que padecemos, que afecta a pessoas integradas, em maior ou menor medida, no nosso projeto cultural, A Gentalha do Pichel tem algo que dizer:

E nom o dizemos nós: organismos internacionais de todo tipo, de Amnistia Internacional ao Relator para os Direitos Humanos da ONU, criticam um sistema judicial e a umha legislaçom espanhola, a "antiterrorista", por amparar a tortura por motivaçons políticas. É por isto que na Gentalha ficamos intranquilas porque as pessoas detidas permanecem submetidas a este tipo de medidas de excepçom no ámbito da mais legítima herdeira do Tribunal de Ordem Público: a Audiência Nacional.

Denunciamos publicamente todo o linchamento mediático a que fôrom submetidas estas cidadás galegas, desde meios de comunicaçom empresariais e mesmo públicos: descontextualizaçom de declaraçons, com ausência total da pressunçom de inocência, desde a invasom vergonhenta da vida privada da casa familiar de Angróis e o ensanhamento com a mae de um dos detidos que realizou a TVG ao mais puro estilo paparazzi.

Entre as pessoas detidas está Antom Santos, umha pessoa activa na Gentalha desde há oito anos. É membro da Comissom de Memória Histórica e um companheiro no sentido mais fundo da palavra. Agora -junto com os outro quatro independentistas que ingressarám em prisom- poderia ter por diante quatro anos de prisom preventiva sem nengum tipo de juízo, afastado da Galiza e do seu entorno. Antom pagará, está já a pagar!, a pena por algo por que ainda nom foi julgado.

Solidarizamo-nos com os centros sociais que padecêrom assédio policial nestes dias: o Revira de Ponte Vedra, o Bou Eva e Faísca de Vigo; e especialmente a Revolta do Berbês e o Arredista de Compostela, que ao igual que a Gentalha do Pichel há seis anos, no marco da "Operaçom Castinheira", fôrom registados de jeito ilegal, substraindo do seu interior material de todo tipo e dinheiro, à vez que se criminalizava a sua atividade.

A Gentalha é um colectivo cultural e nom é competência nossa emitir juízos. Mas isto nom pode servir de argumentaçom para deixar de denunciar este tipo de comportamentos das autoridades.

Nunca deixaremos de denunciar a vulneraçom dos mais elementais direitos individuais (dispersom, indefensom, isolamento...).

Compostela dezembro de 2011

Escrito em 07-12-2011, na categoria: Comissons

Sem comentários ainda

Deixe o seu comentário


Seu endereço de e-mail nom será revelado nesse site.

Sua URL será exibida.
(Quebras de linha se tornam <br />)
(Nome, e-mail & website)
(Permitir que usuários o contatem através de um formulário eletrônico (seu e-mail nom será exibido.))

    SEMENTE

    PROJETO PONTOS

    Projeto Pontos

    Pontos em galego. O galego em pontos

    Somos um grupo de compostelanas e compostelanos decididos a fazer activismo cultural na nossa cidade e comarca. A língua e cultura galegas, a vontade de aprender, de difundir e recuperar os nossos costumes, a nossa história, a nossa música... som os nossos eixos de trabalho.

    Documentário Quatro anos de Gentalha já na rede!

    A Gentalha do Pichel Centro Social O Pichel Loja da Gentalha

    CONTACTO

    ENDEREÇO: rua santaclara, 21, compostela

    HORÁRIO do centro social

    E-MAIL: gentalhadopichel [arroba] gmail [ponto] com

    TELEMÓVEL:698142936

    AGENDA DE EVENTOS

    Ligaçons

    Portal Galego da Língua Sinaliza


    A Gentalha participa em:

    Plataforma Galega Anti-transgênicos GALIZA NOM S€ VENDE


    Entidades associadas ao Pichel:

    Akalimera Cineclube de Compostela Novas da Galiza Associaçom Galega da Língua


    Centros Sociais:

    Arrincadeira Aguilhoar - Ginzo de Límia Almuinha - Marim Fundaçom Artábria - Ferrol Aturujo - Local Social - Boiro Baiuca Vermelha - Ponte Areias A Casa da Estacion - Ponte D'Eume Cova dos Ratos - Vigo Local Social A Esmorga de Ourense Local Social Faísca - Vigo Foucelhas - Ordes O Fresco - Ponte Areias C.S. Gomes Gaioso - Corunha Henriqueta Outeiro - Compostela MadiaLeva-Lugo ReviraVolta - Ponte Vedra A Revolta - Vigo Sociedade Cultural e Desportiva do Condado - Salvaterra de Minho A Tiradoura - Reboredo (Cangas) A Treu - Corunha

    Busca

    O blogue do Apalpador

    powered by b2evolution