Páginas: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 ... 163 >>

03-03-2017

  18:11:00, por artabria   , 897 palavras  
Categorias: Concertos

Atividades de março na Fundaçom Artábria

Na próxima sexta-feira da início o programa de atividades que a Fundaçom Artábria tem agendadas para este mês de março.

Um completo programa que contará com audiovisual, fotografia, teatro, música, apresentaçom de livros, luso gastronomia, atividades para crianças e a celebraçom do Sam Martinho de Dume. Aliás como todos os anos, no mês de março, rendiremos homenagem à figura do ilustre Ricardo Carvalho Calero.

Eis o programa:

Sexta-feira 3 de março, às 20.30hs projetaremos o documentário "Entrar aos Vilares". Documentário dirigido por Cibrán Tenreiro e producido polo Projeto Os Vilares, Lareira de Sonhos, arredor da paroquia chairega do poeta Díaz Castro. A entrada é livre.

No sábado 4 às 20.00hs inauguraremos a exposiçom do fotógrafo ferrolano Gabriel Tizón que leva por título "Refuxiados son persoas". 9 imagens tomadas em 9 Estados europeios sobre o trato da Uniom Europeia com as pessoas chamadas "refugiadas".

No mesmo sábado às 22.00hs desde Compostela chega a Companhia Teatral do Pichel para apresentar o seu último trabalho ?Agorafobia, parálise sobre o medo?, dirigido por Zé Paredes.

Na sua quarta montagem o Teatro do Pichel, aborda um texto da dramaturga contemporanea Clara Gayo, "Agorafobia: Parálise sobre o medo". Umha inmolaçom dos pânicos de nove pessoas autoexiladas num piso de espaços pouco definidos. Umha exposiçom do medo como fronteira onde nada se move, nem mesmo o péndulo do relógio. Malia todo as exiladas seguem caminhando por riba de vidros, brasas, ou ruínas. Um caminho impossível cara dentro, na espera de encontrar muros protectores e acomodar-se na parálise.
A entrada é de graça.

No 10 de março, após a manifestaçom do Dia da Classe Obreira Galega, haverá petiscos no Centro Social.

Já no sábado 11 de março, organizado polo coletivo eumês Punktedeume Army chegám a Ferrol os vigueses Keltoi! e os composteláns Os Novos.
Keltoi! Buque insignia do Oi! e punk-rock de Galiza, toda umha referência na escena. 21 anos nos cenários e seguem na brecha. No seu primeiro concerto em Ferrol os vigueses apresentam o seu último trabalho "Sons da Rúa".

Pola sua parte Os Novos som umha compostelá de punk cujos integrantes tenhem umha dilatada carreira em grupos como os Samesugas, Redulhos ou Madame Germem.

O preço do bilhete é de 6 euros. Também há opçom de colhe-lo junto ao último trabalho de Keltoi! por 12 euros.

Na sexta-feira 17 de março decorrerá a apresentaçom do projeto "Bolcheviques: 1917-2017". "Bolxeviques 1917-2017". Coordinado pola escritora Teresa Moure e editado por Xerais e Através editora. Um livro coletivo no que participam 23 autores e autoras. Na apresentaçom, além da coordenadora, estarám a sindicalista Marga Corral e o historiador Eliseo Fernández.

Já no sábado 18, por terceiro ano consecutivo celebramos desde as 21.30hs o Sam Martinhos´s Day com umha nova festa suevo-irlandesa.
Nos últimos anos estendeu-se por todo o mundo, ajudada polo interesse comercial dumha conhecida marca de cerveja, a celebraçom irlandesa de Sam Patrício. Pois bem, a casualidade favoreceu que exista um forte paralelismo entre a vida do santo padroeiro da Irlanda e um outro santo que, embora bastante desconhecido, tivo umha importáncia na História Galega, Sam Martinho de Dume. Sam Patrício foi o evangelizador da Irlanda, lá polo século V da nossa era, e Sam Martinho cumpriu um papel semelhante na Galiza do século VI, o que lhe permitiu passar à história coma o apóstolo dos e das suevas. Curiosamente, as datas em que se comemoram as festividades de ambos santos están muito próximas no calendário, 17 e 20 de março respetivamente.

A proposta é aproveitar a vontade de festa do pessoal e, já que vamos celebrar Sam Patrício, aproveitemos para celebrar também a nossa suevicidade.
E nom, nom pensedes que na Fundaçom Artábria deixamos de ser laic@s, nom. A ideia é celebrar e reivindicar a suevicidade, nom ao Sam Martinho em si. De facto, um dos contributos fundamentais do bispo de Dume foi a redaçom dum texto conhecido como o "De correctione rusticorum", onde se indicavam e condenavam muitos dos costumes pouco cristaos que @s nossas antepassadas praticavam. Costumes que vos animamos encarecidamente a recuperar, porque, assim entre nós, Sam Martinho era um pouco reaça.

A festa suevo-irlandesa contará com cerveja das duas naçons, "suevitos quentes" e o concerto de "O Puto Coro do Exército Froilanista" e os Porcoteixos. Após os concertos haverá foliada, assim que convidamos-vos a trazer os vossos instrumentos.

O concerto dará início às 22.30hs e a entrada é de graça.

No dia 24 de março, e organizado pola Associação Cultural O Beco da Língua decorrerá umha nova ediçom das luso-paparocas, desta volta poderemos degostar algum prato típico do Moçambique.

O preço da ementa será de 12 euros, 10 euros se és sóci@ do Beco ou da Fundaçom Artábria.

No 25 de março, coincidindo com o 27º aniversário do passamento do ilustre ferrolano Ricardo Carvalho Calero realizaremos, mais um ano, umha homenagem diante das ruínas da sua casa natal em Ferrol Velho.

O ato dará início às 12.30h e o programa ainda esta por fechar, mas adiantamos que haverá música, poesía e intervençons.

No próprio sábado, 25 de março, Sanjurjo e Dopico 5.0 apresentarám o seu novo projeto na Fundaçom Artábria. O concerto dará início às 22.00hs e o preço do bilhete é de 3 euros.

Fecharemos as atividades de março na sexta-feira 31 às 19hs com um atelier infantil de repostaria criativa ministrado por Maru Alonso, onde aprenderemos a fazer rosquilhas. Precisa-se de inscriçom prévia gratuita e há límite de assistência para 15 crianças. A atividade está programa para nenos e nenas a partir dos 4 anos.

Podes fazer a inscriçom ligando para o 671 200 160 (Lara).

01-02-2017

  22:25:00, por artabria   , 722 palavras  
Categorias: Concertos

Programaçom completa para este mês de entruido na Fundaçom Artábria

A Fundaçom Artábria oferece um variado programa de atividades para fevereiro: exposiçons, teatro, música, atividades para crianças, monólogos, gastronomia... completam umha intensa programaçom para este mês de entruido.

As atividades comezam a próxima sexta-feira 3 de fevereiro. Desde Porto, na sua turne pola Galiza, chegam ao nosso Centro Social os Palankalama.

Palankalama é um quarteto dedicado à música instrumental, oriundo da cidade tripeira. As suas composiçons baseiam-se na música tradicional/folque de diversas regions e imaginários. Cada música é umha procura de um cenário onde se desenvolve um argumento. Recorrendo à energia do rock, a narrativa é traçada polos quatro elementos da banda, numha busca de lugares de "fiçom".

O início do concerto está fixado para as 22.30hs e a entrada é de graça.

No sábado 4 às 20hs decorrerá a inauguraçom da exposiçom de fotografias analógicas de Antia DC que leva por título "Ferrol Vello". Umha série de imagens do bairro portuário desde a ótica da fotógrafa ferrolana.

Também no sábado 4 às 22.00hs a companhia eumesa DameCuerda QueTeatro traz ao nosso Centro Social a adaptaçom da obra de Noel Coward "Un espirito burlón".

Prepara-te para rir nesta hilarante, fantasmagórica e disparatada comédia. A entrada é de graça.

Na sexta-feira 10, o professor, historiador, escritor e jornalista ferrolano Guillermo Llorca recuperará numha palestra a "Memória histórica do bairro de Esteiro". A conferência começará às 20.00hs.

No mesmo dia 10, às 22.00hs daremos continuidade a projeçom de diapositivas do companheiro Ernesto Lopes sobre a história da nossa entidade.

No dia 11, participaremos na jornada de comemoraçom do centenário dumha reuniom histórica entre as Irmandades da Fala da Corunha e de Ferrol. A atividade organizada polo Coletivo Literário In Nave Civitas, da Corunha, começa às 10.50hs na Estaçom de comboios de Corunha, desde onde partirám as e os "hirmáns da Cruña" para chegar a Ferrol às 12.00hs onde serám recibid@s polos "hirmáns enxebres de Ferrol".

Posteriormente decorrerá um roteiro polo Ferrol das Irmandades guiado por Xosé Maria Do Barro. Durante o percurso espalharam-se escritos alusivos ao que aconteceu há 100 anos. No edifício Ideal Roon (antigo local comercial de Inditex na Praça de Armas) haverá um ?photocall? 100 anos depois e rematará o roteiro com a leitura de textos das Irmandades da Fala.

Às 14.30hs decorrerá um jantar-popular no nosso Centro Social. A ementa será entrantes, lacom assado com cachelos, sobremesa, água e vinho e terá um preço de 12 euros. Para apontar-se podedes fazê-lo escrevendo para correiodeartabria@gmail.com ou ligado para o telefone 669 778 474 antes do 9 de fevereiro.

Após o jantar haverá recital poético e foliada. Podes trazer o teu instrumento!

À volta das 18.30 acompanharemos ao pessoal que se deslocu desde a Corunha novamente à Estaçom de comboios.

O coletivo Literário in nave civitas fai um chamamento a animar-se e vestir de época durante a jornada.

Na sexta-feira 17 de fevereiro recalará na Fundaçom Artábria o ator Luis Zahera para oferecer ao público o monólogo "Chungo", um espetáculo no que explica as suas vivências como ator e a trajetória que o foi levando a interpretar papeis "de raro, de nom muito listo".

O preço do bilhete anticipado, que já se pode comprar no nosso Centro Social, e para pessoas associadas é de 4 euros e e em bilheteira de 6 euros. A atuaçom está marcada para as 22.00hs.

No sábado 18 decorrerá um novo atelier infantil de manualidades criativas. Desta volta as crianças aprenderám a fazer disfarces de entruido. A atividade que será ministrada por Lara Soto e Begonha Painceiras está destinada a nenas e nenos a partir de 6 anos. Require-se inscriçom prévia, que é gratuíta, e o límite de prazas é de 20.

Podes apontar-te no correiodeartabria@gmail.com ou ligando para o 671 20 01 60 (Lara).

No próprio sábado 18 decorrerá a primeira ediçom do Concurso Ártabro de elaboraçom de Freixós. As bases estám disponíveis na nossa página web. A inscriçom é gratuita.

Novamente a música será protagonista na sexta-feira 24. Desde o bairro corunhês de Monte Alto chegá Trapalhada para pôr-nos a dançar ao ritmo do seu último trabalho ?Alenta o Mar?. A entrada é de balde e o início do concerto está marcado para as 22.30hs.

Fecharemos as atividades do mês de fevereiro no sábado 25 com a tradicional Ceia de Entruido na Fundaçom Artábria. A ementa típica constará de sopa, cozido, sobremesa de entruido, vinho, água, café e "shots". O preço é de 15 euros, 12 euros para as pessoas associadas. Para reservar o teu bono podes escrever para correiodeartabria@gmail.com ou para o telefone 669 778 474.

29-12-2016

  09:35:00, por artabria   , 219 palavras  
Categorias: Concertos

Abdías Uziel, Martina Gil e Xiana Ruíz ganhadoras do "V Concurso Escolar Conhecendo o Apalpador"

A passada terça-feira, 26 de dezembro, o júri encarregado de atribuir os prémios do "V Concurso Escolar Conhecendo o Apalpador" nas suas diferentes modalidades, figérom público o seu falho.
O júri foi composto por Maurício Castro, Névia Lamas e Bruno L. Teixeiro, que se encarregarom de escolher os desenhos ganhadores.

Após umha complicada avaliaçom dos muitos trabalhos recebidos, finalmente ficou da seguinte maneira:

Categoria de 3-5 anos

1- Abdías Uziel Nava // 3 anos // CEIP Pazos
2- Icia Ponce Rodríguez // 4 anos // CEIP de Pinheiros
3- Teo Corredoira Garcia // 4 anos // Semente Trasancos

Mençom honorífica: Uxia Remuinham Freire // 4 anos // CEIP Pazos
Mençom honorífica: Osián Abalde Barro // 4 anos // Semente Trasancos
Mençom honorífica: Manuel Dopico Pérez // 3 anos // CEIP Pazos

Categoria de 6-8 anos

1- Martina Gil Diz // 6 anos // CEIP Isaac Peral
2- Antia Rodriguez Bouza // 8 anos // CEIP Isaac Peral
3- Brais Centeno Santiago // 8 anos // CEIP Manuel Masdías

Mençom honorífica: Aitana Prieto Crespo // 6 anos // CEIP de Pazos

Categoria de 9-12 anos

1- Xiana Ruíz Martínez // 9 anos // CEIP Manuel Masdías
2- Nuria Charlín Pérez // 10 anos // CEIP de Pazos
3- Paula López Mella // 10 anos // CEIP de Pazos

Mençom honorífica: Mercedes Ferreiro Tobio // 9 anos // CEIP Manuel Masdías
Mençom honorífica: Irene Fraguela Trastoy // 12 anos // CEIP de Pazos

A todos e todas queremos trasladar os nossos parabéns e os do júri e indicar que o Apalpador entregará-lhes os prémios no próximo dia 30 de dezembro às 18.00hs no nosso Centro Social.

(Imagem capa: Xiana Ruíz)

30-11-2016

  20:10:00, por artabria   , 335 palavras  
Categorias: Cultura e tradiçons

V concurso escolar Conhecendo o Apalpador já está em marcha

Com o fim de continuar a promover o conhecimento da figura do gigante carvoeiro do Courel entre as crianças galegas, a Fundaçom Artábria convoca o V Concurso Escolar "Conhecendo o Apalpador". Nesta ediçom contamos mais umha vez com a colaboraçom do Concelho de Ferrol.

Animamos às crianças da comarca, e da Galiza enteira a participar no concurso.

Eis as bases do concurso

1.- Haverá 3 categorias. A primeira para nenas e nenos entre 3 e 5 anos. A segunda para nenas e nenos com idades entre 6 e 8. E a terceira para nenos e nenas entre 9 e 12 anos.

2.- Para poder participar no concurso, cada nen@ deverá apresentar um debuxo original, com qualquer material ou ténica, relativo à figura do Apalpador. O debuxo será apresentado num fólio A4.

3.- Estabelecem-se 3 prémios por categoria, que consistirám num lote de produtos relacionados com a figura deste mítico carvoeiro. O júri poderá conceder as mençons honoríficas que considerar oportuno, ou declarar deserto qualquer dos prémios.

4.- Os trabalhos candidatos aos prémios terám que ser entregados antes do 23 de dezembro de 2016 na Fundaçom Artábria (Trav. Batalhóns nº7, baixo. Ferrol.

5.- Para identificar os debuxos, estes deverám levar um envelope em cujo esterior se faga constar "Concurso de debuxo conhecendo o Apalpador" com os dados do curso onde está matriculad@ @ concursante, e em cujo interior deve figurar nome e apelidos, idade, curso, e centro onde está matriculado, além dumha autorizaçom do pai, mae ou tutor/a para participar no concurso.

6.- O júri será composto por 1 pessoa da Diretiva da Fundaçom Artábria, 2 pessoas ligadas ao mundo das artes plásticas e o próprio Apalpador. A decissom do júri será inapelável e dará-se a conhecer na terça-feira 27 de dezembro, mediante a publicaçom no nosso web.

7.- Os prémios serám entregues polo Apalpador no dia 30 de dezembro no nosso Centro Social.

8,- A participaçom no concurso supom a autorizaçom expressa para a difussom das imagens.

9.- A participaçom no concurso supom a aceitaçom de todas e cada umha das presentes bases, assim como o criterio da Fundaçom Artábria na resoluçom de qualquer questom nom prevista nestas bases

  16:15:00, por artabria   , 619 palavras  
Categorias: Concertos, Gastronomia, Língua, Actividades mês a mês

Fechamos o ano com um amplo programa de atividades

Entramos no último mês de ano e na Fundaçom Artábria queremos fechar 2016 tal e como começamos, ofertando um variado programa de atividades para todos os públicos.

Em dezembro teremos música, palestras, monicreques, gastronomia, teatro e como nom a visita do Apalpador.

Na sexta-feira, 2 de dezembro, o duo ferrolano Kozmic Blues apresentam em Ferrol o seu segundo trabalho "Dream for winter". A entrada será gratuita e a hora de início às 22.30hs.
Este segundo album é umha mudança de ciclo e estado mental para Andrés e Elisa, definindo-o por elas mesmas como numha mistura entre sonho e realidade.

No sábado 3, às 20hs, decorrerá umha palestra sob o título "Que é a operaçom Jaro?" onde intervirám pessoas processadas na ofensiva judicial contra a organizaçom independentista Causa Galiza, a qual foi ilegalizada por ordem da Audiência Nacional.
Este processo de ilegalizaçom foi denunciado no Parlamento Europeu polo BNG e Bildu, destacando "o gravíssimo défice democrático do Estado espanhol".

Da Fundaçom Artábria, consideramos um exercício de democracia abrir portas à informaçom e dar a conhecer a outra versom deste processo político-judicial, a que nom contam os meios de informaçom

Na sexta-feira 9 de dezembro, decorrerá um novo atelier infantil. Desta volta Maru Alonso ensinará às crianças a elaborarem bolachas de natal.

A atividade gratuita é para nen@s a partir dos 4 anos e é precisso inscriçom prévia já que há límite de 15 prazas. Podes apontar-te ligando para o 671 200 160.

No dia 10 haverá umha nova projeçom de diapositivos da história da nossa entidade, da mao de Nês Lopes. Será às 21.30hs.

Já no 16 de dezembro a companhia de monicreques "O monifate teatro" trará o espetáculo "A espera", estreado no Festival internacional de fantoches de Redondela, em 2015. A obra, que está recomendada para maiores de 12 anos, toca o tema da memória histórica.
A entranhável personagem desta proposta, escrita por J.L Banhos de Cos, convida-nos a pensar sem discurso político, nas feridas abertas que soportam geraçons enteiras, produto da nossa insolência com a história. Através deste relato de vida, inspirada em personagens reais que luitárom no passado, chama-se a atençom sobre o direito à sua dignidade no presente. A entrada é gratuita.

No sábado 17, decorrerá umha nova sessom vermute no nosso Centro Social desde as 12.00hs. À volta das 12.30hs contaremos com a atuaçom de Grüvzilla. Este grupo de musica instrumental que chega desde Compostela mistura jazz, funk, rock e blues. O elemento básico: o groove!
Haverá espetos à grelha a 2 euros.

No 23 de dezembro, chegará o Apalpador à nossa cidade da mao da Fundaçom Artábria. O gigante carvoeiro percorrerá as ruas do bairro de Esteiro e da Madalena. A ruada partirá às 12hs do nosso Centro Social.

Nom podia faltar um encontro grastonómico para encerrar o ano 2016. Na quinta-feira 28 de dezembro, às 22hs decorrerá a "V Luso Paparoca". O preço da ementa, na qual se incluem entradas portuguesas, arroz caldoso, sobremesa, água/vinho e café, é de 10 euros, 8 euros para pessoas associadas da Fundaçom Artábria e o Beco da Língua. Podes inscrever-te escrevendo para o correiodeartabria@gmail.com ou ligando para o 669 778 474 antes do dia 26.

Fechamos as atividades do ano a sexta-feira 30 de novembro às 22.00hs.
Após ter que suspender a atuaçom por motivos de saúde no passado mês de novembro, a companhia Clube Teatral Elsinor trarám a obra "Xente de pálida pel", baseada em textos de Cunqueiro, a qual serve como homenagem ao bestiário saído da imaginaçom do autor mindoniense.

A obra é dirigida por Manuel Lourenço e conta com a atuaçom de Cristina Fuentes, Carme Martínez, Xosé Martínez e Xulia Miguel, além do próprio Lourenço.

Esta peça teatral já foi representada em multitude de cenários, recebendo nom só o beneplácito da crítica, como ftambém a mais importante cumplicidade do público perante um texto infalível.
A entrada é de graça.

30-10-2016

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 ... 163 >>

Horário de Abertura
- Segundas a sextas 10.00h-13.30h // 17.30h-feche
- Sextas e Sábados 18.00h-feche

A Associaçom Reintegracionista Artábria, nascida em 1992 em Narom, transformou-se em abril de 1998 em Fundaçom, inaugurando em setembro desse mesmo ano o seu Centro Social.

A Fundaçom Artábria está declarada de Interesse Galego e classificada de interesse cultural, com o número de inscriçom 54 e CIF:G15645518.


Para saberes mais, lê a definiçom da Artábria na wikipédia + info

Busca

Ferramentas de administraçom

  Feeds XML

powered by b2evolution free blog software