XML error: Invalid document end at line 1, column 1

 

blogging tool
Flores da poesia
Flores da poesia

Alegria e tristeza, amor e ódio, luz e sombra, calor e frio, goce e irritação, eu e o outro.
Desfrutar da beleza poética pode facilmente levar para o inferno.
Mas olha o que achamos espargido ao longo de todo o nosso Caminho:
rebentos de ameixeira e flores de pessegueiro!

Tradução do inglês a partir do trabalho de John Stevens. Wild Ways, White Pine Press, 2003, USA. O título é meu

(Ikkyu Sojun)

Tags: ikkyu, poesia, zen
25-04-2012, Ikkyu

Sem comentários ainda