Verao

    9 agosto. Festival 27373

    Revista Nº 14

    Solidariedade

    Dicionário e-Estraviz

    Pesquisa no e-Estraviz


    Busca

Breve introduçom às jornadas.

Breve introduçom às jornadas.

08-06-12

A minha mai estivo no começo da minha vida e eu estivem com ela quando se despediu na sua morte. Isto significou para mim toda umha revoluçom. A uniom do principio co fim.

Estas jornadas tenhem como objectivo achegar á populaçom a realidade de como se nasce e como se morre actualmente nos hospitais; de como se vulneram os nossos direitos básicos de autonomia e decisom nestes dous momentos tam cruciais da nossa existência; de como o Estado e os poderes religiosos utilizam a dor, o medo, a perda de dignidade, a vulnerabilidade física e emocional e incluso a tortura, como método de submetimento da populaçom; de como se criminaliza, penaliza e castiga o uso do direito a dispor da própria vida e de decidir sobre ela.

Mostrar como som tratados o nascimento e a morte na nossa sociedade e as similitudes que existem de controlo e repressom nestes dous processos.

Reclamar o nosso direito a nascer e a morrer com dignidade e segundo o nosso critério e valores próprios.

Informar sobre os nossos direitos como mulheres que parem, como pacientes, como pessoas em processo de morte e/ou coma familiares destas.

Expor as alternativas às que podemos optar ante os tratamentos convencionais e “normalizados” nestes casos e das ferramentas de defesa das que dispomos ante a vulneraçom dos nossos direitos polo pessoal hospitalário e institucional.

Luis Montes, Presidente da Federal de DMD é licenciado de Medicina e especialista em anestesia e reanimaçom. Foi chefe do Serviço de Reanimaçom do Hospital Severo Ochoa de Madrid, e coordenador do Serviço de Urgências desse mesmo centro. No 2005, Montes Mieza foi cessado a instáncias de Lamela - Conselheiro de Sanidade do Governo da Comunidade de Madrid de Esperanza Aguirre e acusado de 400 homicídios por sedaçons no serviço de urgências. Posteriormente foi absolto de todos os cargos.

Lucía González Vicente (Lucia Titán) é fundadora de Eomaia, criada no ano 2009. Nom apreendeu o seu ofício na Universidade, mas o feito de carescer dos títulos académicos que lhe garantam um estatus oficial, nom é nengum atranco para o desenvolvimento da sua actividade a prol dum bo começo na vida dos mais pequechos. O seu saber e bo fazer foi adquirido numha longa aprendizagem prática e também teórica. Tem muito claro que a criança nom é umha etapa isolada no desenvolvimento das nenas e nenos, senom que deve partir duns bos começos: um embaraço bem levado e un parto nas melhores condiçons possíveis. Por isso começou a ser doula em S. Cristóbal de las Casas, México, e acompanha às mulheres nos seus partos.

Escrito às 13:08:34 nas castegorias: opinióm
por SCMadiaLeva Email , 424 palavras, 144 leituras   Portuguese (PT)   Chuza!

Endereço de trackback para este post

Trackback URL (clique direito e copie atalho/localização do link)

Sem feedback para este post ainda

Deixe o seu comentário


Seu endereço de e-mail não será mostrado no site.

Sua URL será exibida.
(Quebras de linha se tornam <br />)
(Nome, e-mail & website)
(Permitir que usuários o contatem através de um formulário (seu e-mail não será exibido.))
    contador de visitas
    A Sociedade Cultural Mádia leva! é um projecto comprometido com a lingua e a cultura galega, assim mesmo também trabalhamos por impulsionar a organizaçom do povo, a democracia participativa, a defesa da Terra e a luita pela autodeterminaçom da GALIZA.
    madialeva.gz@gmail.com
    Rua Serra de Ancares 18 rés-do-chao CIF:G-27360825

    Ligações

    Colectivos Lugo
    Participamos em
    Informaçom comunitária
    Sociedades
    Outros colectivos
blog software